17 abril 2011

Domingo de Ramos


"A Semana Santa tem início no “Domingo de Ramos”, que é assim chamado porque celebra a entrada de Jesus em Jerusalém, montado em um jumentinho – o símbolo da humildade – e aclamado pelo povo simples que o aplaudia como “Aquele que vem em nome do Senhor”. Aquele povo tinha visto Jesus ressuscitar Lázaro de Betânia há poucos dias e estava maravilhado. As pessoas estavam certas de que Jesus era o Messias anunciado pelos Profetas. Pensavam que ele fosse escorraçar Pilatos e reimplantar o reinado de David e Salomão em Israel. ‘Que Messias é esse? Que libertador é esse? É um farsante! Merece a cruz por nos ter iludido’. A entrada solene de Jesus em Jerusalém foi um prelúdio de suas dores e humilhações. Aquela mesma multidão que o homenageou motivada por seus milagres, agora lhe vira as costas e muitos pedem a sua morte.

Jesus, que conhecia o coração dos homens, não estava iludido. Dessa forma, o Domingo de Ramos é o início da Semana que mistura os gritos de hosanas com os clamores da Paixão de Cristo. O povo acolheu Jesus saudando-O com ramos de oliveiras e palmeiras. Os ramos significam a vitória. “Hosana ao Filho de David: bendito seja o que vem em nome do Senhor, o Rei de Israel; hosana nas alturas”. Os Ramos santos fazem-nos lembrar que somos baptizados, filhos de Deus e defensores da fé católica. Os Ramos sagrados, que levamos para nossas casas após a Missa, lembram-nos que estamos unidos a Cristo na mesma luta pela salvação do mundo, a luta árdua contra o pecado e o cristianismo “light”, adaptado aos gostos e interesses pessoais. Impera, como diz Bento XVI, a ditadura do relativismo."

Autor: Prof. Felipe Aquino

Depois da Quaresma, tempo de meditação, oração e conversão iniciamos agora a Semana Maior da vida cristã. Vamo-nos aproximando do Grande Dia! O dia da Ressurreição do Senhor, mas não sem antes vivermos intensamente os momentos que o antecedem! Vamos neste tempo da Paixão do Senhor orar e estar junto d'Ele! Não O abandonemos nestes dias tão intensos e dolorosos que viveu e, em que se sentiu tão só (e hoje como há dois mil anos)! Os próprios discípulos O abandonaram, deixando-O enquanto orava. Não O deixemos nós! Façamos-Lhe companhia nestes dias e ofereçamos-Lhe todo o nosso amor, toda a nossa vida! É disso que Ele tem sede...sede de nós, do nosso despojamento, da nossa pequenez!

Com Maria sigamos Jesus até ao Calvário na expectativa do maravilhoso reencontro no dia da Sua Ressurreição!

Sejamos firmes e abramos o nosso coração ao Senhor e oremos, oremos muito....sempre!

Ailime
17.04.2011
(reposição revista)
Imagem cedida gentilmente pela net

7 comentários:

  1. Amiga Ailime,

    lindo post.


    beijinhos

    Gisele

    ResponderEliminar
  2. Ailime, concordo com Gisele: lindo post. Hoje, já fui às lagrimas com a narração do Evangelho do Domingo de Ramos. Não consegui conter-me ouvindo aquela narrativa tão contundente. Meu grande braço! Bjbj!!

    ResponderEliminar
  3. Ailime,

    Eu gosto de todas as Missas, e de todos os tempos vividos na nossa Igreja. Portanto, o Domingo de Ramos pra mim, tem um jeito especial. Lembro-me que uma das primeiras Missas que fui, após minha conversão ao Catolicismo, fui no Domingo de Ramos.
    Confesso, que não entendi muito bem. Todos com ramos enormes na mão, e cantando. Rei, Rei, Rei, Jesus é nosso Reis.
    Como ele era e é meu rei também, eu balançava o meu e cantava com muita alegria.
    Hoje, fui a Missa na Igreja mais próxima de minha casa. Foi bem simples, mas o ritual, é o mesmo que qualquer Catedral do mundo. Isso que importa. Nossa Igreja é Una.
    Como você mesma escreveu. Essa semana é semana maior da vida Cristã.
    Abraço fraterno.

    ResponderEliminar
  4. Estimada e Admirável Amiga e Fé:
    Desejo-lhe que tenha um delicioso e perfeito sentimento Pascal.
    A família é importante. Anseio que a passe na comunhão com ela porque é preciosa.
    Bem-Haja, pela sua amizade que me honra muito. De forma enorme.
    Abraço amigo ao que concebe de pureza e beleza imensas.
    MUITO OBRIGADO pelas palavras de ouro puro deixadas no meu blogue que me fascinaram, ímpar amiga.
    Sempre a estimá-la e aos seus.

    pena

    É um Ser Humano gigantesco de educação.
    É admirável, sabia?

    ResponderEliminar
  5. “Hosana ao Filho de David: bendito seja o que vem em nome do Senhor"
    É hora, sim, de ser firmes e abrir cada vez mais o coração ao Senhor.

    Boa Domingo de Ramos e boa semana Santa, amiga Ailime!

    Beijos

    ResponderEliminar
  6. Ailaime
    É linda a sua sitação de domingo de Ramos.
    Gostei muito, fez uma linda sintse do percurso de Jesus.
    Obrigada.
    Que Deus a ajude a sempre a nos colocar lindos postes como este.
    Sim vamos estar muito juntinhos a Jesus nesta semana Santa e sempre.
    Beijinhos da Utilia

    ResponderEliminar
  7. Tá tudo dito,Ailime!

    Parece que ainda somos como quando se passou a Paixão do Senhor.Somos,eu sou,exactamente como aquele povo.Tanto o aclamava dizendo Hossana,Hossana como logo logo já se grita: CRUCUFICA-O,CRUCIFICA-O!Como se pode constatar ainda não se revolucionou a mentalidade do povo de Hoje.
    Gostei bastante da sua reflexão.Obrigada,amiga
    Bjinhosss

    ResponderEliminar

«Disse-lhe Jesus: Eu sou o caminho, a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim.»
(João 14:6)
Muito obrigada por me ajudar a caminhar com Cristo!
Ailime