29 dezembro 2013

Festa da Sagrada Família

Hoje a Igreja celebra a Festa da Sagrada Família de Nazaré!
Que esta seja um exemplo para todos as famílias do mundo inteiro nela nos revendo na confiança e no amor que a uniu.



Oração da família

"Senhor, nosso Pai,
Tu quiseste que o Teu Filho
nascesse e crescesse
no seio de uma família como as outras.
Assim, ao longo de uma vida simples,
Ele aprendeu, pouco a pouco
de José e de Maria
a tornar-Se adulto
e a descobrir a sua missão.

Por isso, Senhor, nosso Pai,
nós Te pedimos que as famílias de hoje
sejam fortes, estáveis e vivam em harmonia.
Que cada um atinja o pleno desenvolvimento
na alegria de estar juntos, até ao perdão.
Que elas escutem todos os apelos
vindos de fora.

Pai, tu que és todo Ternura,
concede às famílias feridas pela doença,
o luto, a divisão ou a ruptura,
a coragem de continuarem a crescer
e a esperar em Ti,
sem nunca perderem a confiança.
Que cada família acolha o Teu Espírito
e, dia após dia, d’Ele receba a inspiração.
Isto é vital para a Igreja.
Isto é vital para o mundo."

(Cardeal G. Dannels, Bélgica)

 Desejo a todos um bom domingo.
Abraços-vos na Paz de Cristo. Ailime

26 dezembro 2013

Aleluia! Já nasceu o Salvador!

  "Não tenhais medo! Eu anuncio-vos uma Boa Notícia, que será uma grande alegria para todo o povo: hoje na cidade de David, nasceu-vos um Salvador, que é o Messias, O Senhor." (Lc 2, 10-11)



Alegrem-se os Céus e a Terra,
Cantemos com alegria
Já nasceu Deus Menino
Filho da Virgem Maria! 



 Caminhemos sem medo, porque Ele nunca nos abandona! Ele é o nosso guia, a nossa Luz, a nossa Salvação!
Que Ele renove em nós a Esperança de O saber um Deus connosco!
Continuação de Santo Natal. Ailime



21 dezembro 2013

4º Domingo do Advento

A Luz está próxima! 


Hoje acendi a minha quarta vela de Advento
«Por isso, o próprio Senhor vos dará um sinal:
a Virgem conceberá e dará à luz um filho
e o seu nome será Emanuel». Isaias 7,14



Recados para Orkut


Para os meus Amigos e suas Famílias e também para quem passa em silêncio
 desejo um Santo e Feliz Natal com Jesus.


Beijinhos com amizade e carinho.
Grata pelas vossas visitas. Ailime

15 dezembro 2013

3º Domingo do Advento

Da Liturgia deste Domingo destaco este hino profético de Isaías (Is 35,1-6a.10)
 que muito aprecio e que partilho com todos vós:


«Alegrem-se o deserto e o descampado,
rejubile e floresça a terra árida,
cubra-se de flores como o narciso,
exulte com brados de alegria.
Ser-lhe-á dada a glória do Líbano,
o esplendor do Carmelo e do Sáron.
Verão a glória do Senhor,
o esplendor do nosso Deus.
Fortalecei as mãos fatigadas
e robustecei os joelhos vacilantes.
Dizei aos corações perturbados:

«Tende coragem, não temais:

Aí está o vosso Deus,
vem para fazer justiça e dar a recompensa.
Ele próprio vem salvar-nos».

Então se abrirão os olhos dos cegos
e se desimpedirão os ouvidos dos surdos.
Então o coxo saltará como um veado
e a língua do mudo cantará de alegria.
Voltarão os que o Senhor libertar,
hão-de chegar a Sião com brados de alegria,
com eterna felicidade a iluminar-lhes o rosto.
Reinarão o prazer e o contentamento
e acabarão a dor e os gemidos.»


Hoje acendi a minha terceira vela do Advento

Peço ao Senhor que a alegria seja uma constante na minha vida para que a minha noite onde ainda pressinto alguns temores e angústias se vá dissipando de modo a encontrar em cada amanhecer a certeza da Sua presença em mim, Ele que encarnou para nos libertar do pecado e dar a Salvação.
Que o Espírito Santo me ilumine e fortifique, de modo a que possa dar testemunho alegre de Jesus levando a esperança da Sua Ressurreição junto dos que vivem mais sós, abandonados e doentes!
Desejo a todos continuação de Santo Advento. 
O meu abraço na Paz de Cristo. Ailime

09 dezembro 2013

Natal da minha infância



Não poderei falar de Natal sem fazer uma viagem aos tempos da minha infância em que o Natal era bem simples, sem correrias, sem luzes, sem confusões.
Apenas a expectativa do Nascimento do Deus Menino me movia olhando as estrelas que O anunciavam!
A minha família reunia-se em casa dos meus avós maternos em redor de uma lareira que crepitava chamas de amor que inundava o coração de todos num serão em que os doces e fritos característicos da época tomavam parte da festa para delícia de crianças e adultos.
Na manhã do Dia de Natal era a ida à chaminé para espreitar os presentes tão desejados que o Menino Jesus descendo pela chaminé haveria de colocar nos nossos sapatinhos. (Era assim a tradição noutros tempos em Portugal)!
Cada montra das pequenas lojas da aldeia exibia um presépio qual deles o mais encantador com todas as figuras do presépio e, antes de nos dirigirmos para a igreja para assistirmos à Missa de Natal, percorríamos as ruas da aldeia com muita alegria admirando estas autênticas obras de arte.  
Era o verdadeiro Natal dos simples!
E no momento presente o que desejo para o meu Natal?
Celebrar o Nascimento de Jesus no meu coração em família e em comunidade acolhendo-O com muita alegria, na Esperança de O saber um Deus connosco, desejando que a Sua Luz ilumine o coração de todos os homens e que haja Paz no Mundo inteiro.


Esta é a minha participação na BC de Rosélia do Blogue Espiritual-Idade - 
- Como virá o meu Natal?
(Cique para ver todas as participações.)

08 dezembro 2013

2º Domingo do Advento e Solenidade da Imaculada Conceição da Virgem Santa Maria

Neste 2º Domingo do Advento celebramos o Dia da Imaculada Conceição também Padroeira de Portugal.

«Eis a escrava do Senhor;
faça-se em mim segundo a tua palavra».

Evangelho de São Lucas 1, 26-38

Anunciação do Anjo Gabriel
«O Anjo Gabriel foi enviado por Deus a uma cidade da Galileia chamada Nazaré,
a uma Virgem desposada com um homem chamado José,
que era descendente de David.
O nome da Virgem era Maria. Tendo entrado onde ela estava, disse o Anjo:
«Ave, cheia de graça, o Senhor está contigo».
Ela ficou perturbada com estas palavras e pensava que saudação seria aquela.
Disse-lhe o Anjo:
«Não temas, Maria,
porque encontraste graça diante de Deus.
Conceberás e darás à luz um Filho,
a quem porás o nome de Jesus.
Ele será grande e chamar-Se-á Filho do Altíssimo.
O Senhor Deus Lhe dará o trono de seu pai David;
reinará eternamente sobre a casa de Jacob
e o seu reinado não terá fim».
..........
«O Espírito Santo virá sobre ti
e a força do Altíssimo te cobrirá com a sua sombra.
Por isso o Santo que vai nascer será chamado Filho de Deus.
..........
Maria disse então:

«Eis a escrava do Senhor;
faça-se em mim segundo a tua palavra».
...........
Glorifiquemos a Virgem Santíssima, Santa Mãe de Deus:
Virgem Maria, Santa Mãe de Deus
Magnificat

«A minha alma glorifica o Senhor
E o meu espírito se alegra em Deus, meu Salvador.
Porque pôs os olhos na humildade da sua Serva:
de hoje em diante me chamarão bem aventurada, todas as gerações.
O Todo-Poderoso fez em mim maravilhas:
Santo é o seu nome.
A sua misericórdia se estende de geração em geração
Sobre aqueles que o temem.
Manifestou o poder do seu braço
E dispersou os soberbos.
Derrubou os poderosos de seus tronos
E exaltou os humildes.
Aos famintos encheu de bens
aos ricos despediu de mãos vazias.
Acolheu a Israel, seu servo,
Lembrado da sua misericórdia,
Como tinha prometido a nossos pais,
A Abraão e à sua descendência para sempre

Glória ao Pai e ao Filho E ao Espírito Santo,
como era no princípio, Agora e sempre.
Ámen.»


Como Maria quero aprender a caminhar com confiança e discernimento abrindo o meu coração aos projectos que Deus me destinou aceitando com humildade no silêncio do meu coração a Sua Vontade.
Por Sua intercessão junto de seu Filho, Jesus,  peço a Sua misericórdia para com todos os que se encontram doentes, sós, abandonados, por todas as mães cujos corações se encontram atribulados e por todos os que de alguma forma sofram de qualquer espécie de injustiça
ou aflição.
Que a Virgem cheia de Graça interceda por todos nós!

Ámen.

Desejo a todos um bom domingo e continuação de um Santo Advento. Ailime


04 dezembro 2013

Felizes o que amam o Senhor



O Senhor ouve a voz dos que O amam e seguem os Seus Caminhos.
Eu te louvo e agradeço Senhor, porque ouviste voz dos teus humildes servos.
Ailime 

01 dezembro 2013

1º Domingo do Advento

“Vigiai, pois, porque não sabeis em que dia virá o vosso Senhor»
(Mateus 24,42 )

Advento tempo de vigilância, de oração, de conversão. Tempo de alegria e esperança na expectativa da vinda do Senhor, Deus encarnado, que vem e virá e nos convida para que em cada dia saibamos caminhar na solidariedade e na partilha.

 Do: Evangelho de São Mateus, 24,37-44

Naquele tempo,
disse Jesus aos seus discípulos:
«Como aconteceu nos dias de Noé,
assim sucederá na vinda do Filho do homem.
Nos dias que precederam o dilúvio,
comiam e bebiam, casavam e davam em casamento,
até ao dia em que Noé entrou na arca;
e não deram por nada,
até que veio o dilúvio, que a todos levou.
Assim será também na vinda do Filho do homem.
Então, de dois que estiverem no campo,
um será tomado e outro deixado;
de duas mulheres que estiverem a moer com a mó,
uma será tomada e outra deixada.
Portanto, vigiai,
porque não sabeis em que dia virá o vosso Senhor.
Compreendei isto:
se o dono da casa soubesse a que horas da noite viria o ladrão,
estaria vigilante e não deixaria arrombar a sua casa.
Por isso, estai vós também preparados,
porque na hora em que menos pensais,
virá o Filho do homem.



«No silêncio de Deus, enquanto esperamos a Sua manifestação gloriosa através da encarnação, deixemo-nos moldar por Ele, reconhecendo e aceitando que somos todos obras das Suas mãos e com Ele queremos fazer Comunhão».

Para todos os meus votos de um santo Advento. Ailime

24 novembro 2013

Nosso Senhor Jesus Cristo, Rei do Universo


Jesus e o bom ladrão
 Eu Te louvo, Senhor,
Porque escolheste como reino uma montanha
E no alto dessa montanha
Como trono uma cruz.


Do alto desse trono,
Que não era dourado
mas um simples madeiro,
Tu carregaste por amor
o peso dos meus pecados
e de toda a humanidade.

Eu Te louvo Senhor,
porque me deixaste o exemplo
 do que é ser rei:

-  na Humildade
-  na Entrega,
-  no Despojamento,
-  no Perdão.


Eu te louvo, Senhor,
porque pela Tua Ressurreição
me abriste o caminho
que leva à Eternidade.


Para todos o meu abraço na Luz e Paz do Senhor. Bom domingo. Ailime

17 novembro 2013

Parlavras de esperança



Colocai candeeiros nas paredes das
noites. Onde houver fogueiras,
colocai mananciais. Onde se  forjarem
espadas, plantai rosais.
Transformai em jardins os campos
de batalha. Abri sulcos e semeai
amor. Plantai bandeiras de liberdade
na pátria da Pobreza.
E anunciais que está prestes a chegar a 
era do Amor, da Alegria e da Paz.

Ignacio Larrañaga

Um bom domingo para todos. Ailime

O Sentido da Vida
(edições Paulinas)
Ailime

11 novembro 2013

Prece


Suplico-Te ó Deus de bondade infinita que por intercessão de Tua Mãe, Maria Santíssima, consoles o Povo Filipino que neste momento chora a perda dos seus irmãos e irmãs em consequência da catástrofe natural que de forma tão abrupta e cruel se abateu sobre aquele País deixando tanta destruição e dor no seio dos nossos irmãos.
Que pelo Teu Amor Misericordioso todos nos sintamos sensibilizados para fazer chegar a nossa ajuda a quem neste momento tanto sofre. 



Pai Nosso…
Ave Maria...
Glória...

Ailime
11.11.2013
Imagem Google


10 novembro 2013

A Palavra de Deus

A minha partilha deste Domingo:

As leituras deste domingo convidam-nos a reflectir sobe a realidade da Ressurreição.

«O Deus de Abraão, o Deus de Isaac e o Deus de Jacob’.
Não é um Deus de mortos, mas de vivos,
porque para Ele todos estão vivos».S.Lucas, 20,38)


Segunda Epístola do apóstolo São Paulo aos Tessalonicenses (2,16-3,5)

Irmãos:
Jesus Cristo, nosso Senhor,
e Deus, nosso Pai,
que nos amou e nos deu, pela sua graça,
eterna consolação e feliz esperança,
confortem os vossos corações
e os tornem firmes em toda a espécie de boas obras e palavras.
Entretanto, irmãos, orai por nós,
para que a palavra do Senhor
se propague rapidamente e seja glorificada,
como acontece no meio de vós.
Orai também,
para que sejamos livres dos homens perversos e maus,
pois nem todos têm fé.
Mas o Senhor é fiel:
Ele vos dará firmeza e vos guardará do Maligno.
Quanto a vós, confiamos inteiramente no Senhor
que cumpris e cumprireis o que vos mandamos.
O Senhor dirija os vossos corações,
para que amem a Deus
e aguardem a Cristo com perseverança.


Salmo 16 (17)

Senhor, ficarei saciado, quando surgir a vossa glória.

Ouvi, Senhor, uma causa justa,
atendei a minha súplica.
Escutai a minha oração,
feita com sinceridade.

Firmai os meus passos nas vossas veredas,
para que não vacilem os meus pés.
Eu Vos invoco, ó Deus, respondei-me,
ouvi e escutai as minhas palavras.

Protegei-me à sombra das vossas asas,
longe dos ímpios que me fazem violência.
Senhor, mereça eu contemplar a vossa face
e ao despertar saciar-me com a vossa imagem.


Oração
Espírito de imortalidade, reforça minha fé na ressurreição e minha esperança de encontrar-me com o Deus da vida eterna.

O meu abraço no Amor e Paz de Cristo. Ailime

Fontes: Portal dos S. Dehonianos
e Portal Paulinas
Imagens Google

03 novembro 2013

A Palavra de Deus

«Louvarei para sempre o vosso nome,
Senhor meu Deus e meu Rei.»

A minha partilha deste domingo:

 Do: Evangelho segundo São Lucas 19, 1-10

 «Naquele tempo,
Jesus entrou em Jericó e começou a atravessar a cidade.
Vivia ali um homem rico chamado Zaqueu,
que era chefe de publicanos.
Procurava ver quem era Jesus,
mas, devido à multidão, não podia vê-l’O,
porque era de pequena estatura.
Então correu mais à frente e subiu a um sicómoro,
para ver Jesus,que havia de passar por ali.
Quando Jesus chegou ao local,
olhou para cima e disse-lhe:
«Zaqueu, desce depressa,
que Eu hoje devo ficar em tua casa».
Ele desceu rapidamente
e recebeu Jesus com alegria.
Ao verem isto, todos murmuravam, dizendo:
«Foi hospedar-Se em cada dum pecador».
Entretanto, Zaqueu apresentou-se ao Senhor, dizendo:
«Senhor, vou dar aos pobres metade dos meus bens
e, se causei qualquer prejuízo a alguém,
restituirei quatro vezes mais».
Disse-lhe Jesus:
«Hoje entrou a salvação nesta casa,
porque Zaqueu também é filho de Abraão.
Com efeito, o Filho do homem veio procurar e salvar
o que estava perdido».




Salmo 144 (145)

 Quero exaltar-Vos meu Deus e meu Rei
e bendizer o vosso nome para sempre.
Quero bendizer-vos, dia após dia,
e louvar o vosso nome para sempre.

O Senhor é clemente e compassivo,
paciente e cheio de bondade.
O Senhor é bom para com todos
e a sua misericórdia se estende a todas as criaturas.

Graças Vos dêem, Senhor, todas as criaturas
e bendigam-Vos os vossos fiéis.
Proclamem a glória do vosso Reino
e anunciem os vossos feitos gloriosos.

O Senhor é fiel à sua palavra
e perfeito em todas as suas obras.
O Senhor ampara os que vacilam
e levanta todos os oprimidos.




Oração
Eu creio em Ti, Senhor, mas aumenta a minha fé.
Eu espero em Ti, Senhor; mas aumenta a minha esperança.
Eu amo-Te, Senhor, eu amo-Te, Senhor,
mas aumenta o meu amor.

Desejo a todos um bom domingo. Ailime
Fontes: Liturgia Diária e Google


01 novembro 2013

Dia de Todos os Santos

Hoje veneramos e recordamos todos os Santos da Igreja e também todos os irmãos,  que no anonimato e pacatez das suas vidas, se entregaram de alma e coração ao serviço do próximo dando testemunho fiel do seu amor  a Jesus Cristo e se encontram na Glória de Deus Pai.
Partilho com todos vós o Evangelho de hoje em que o Senhor Misericordioso nos consola e dá alento para que não desistamos de caminhar rumo à santidade.

Do Evangelho de São Mateus (5, 1-12a)

As Bem-Aventuranças
(Sermão da Montanha)

«Bem-aventurados os pobres em espírito, porque deles é o reino dos Céus.
Bem-aventurados os humildes, porque possuirão a terra.
Bem-aventurados os que choram, porque serão consolados.
Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça, porque serão saciados.
Bem-aventurados os piedosos, porque alcançarão misericórdia.
Bem-aventurados os puros de coração, porque verão a Deus.
Bem-aventurados os que promovem a paz, porque serão chamados filhos de Deus.
Bem-aventurados os que sofrem perseguição por amor da justiça, porque deles é o reino dos Céus.
Bem-aventurados sereis, quando, por minha causa, vos insultarem, vos perseguirem e, mentindo,disserem todo o mal contra vós.
Alegrai-vos e exultai, porque é grande nos Céus a vossa recompensa»».


 Senhor, Tu que nos convidas também a ser santos rogo-Te que a exemplo de todos os Santos que hoje veneramos  e recordamos que, por sua intercessão, possamos viver na Terra segundo os Teus ensinamentos para que um dia possamos ser dignos de alcançar a Tua Glória. Ámen.

Ailime
Imagens Google

26 outubro 2013

A Palavra de Deus


A minha partilha deste domingo:

O Senhor convida-nos a que sejamos humildes.


Do Evangelho de São Lucas 18, 9-14
Jesus disse a seguinte parábola
para alguns que se consideravam justos e desprezavam os outros:
«Dois homens subiram ao templo para orar;
um era fariseu e o outro publicano.
O fariseu, de pé, orava assim:
‘Meu Deus, dou-Vos graças
por não ser como os outros homens,
que são ladrões, injustos e adúlteros,
nem como este publicano.
Jejuo duas vezes por semana
e pago o dízimo de todos os meus rendimentos’.
O publicano ficou a distância
e nem sequer se atrevia a erguer os olhos ao Céu;
Mas batia no peito e dizia:
‘Meu Deus, tende compaixão de mim,
que sou pecador’.
Eu vos digo que este desceu justificado para sua casa
e o outro não.
Porque todo aquele que se exalta será humilhado
e quem se humilha será exaltado».



Salmo 33 (34)


A toda a hora bendirei o Senhor,
o seu louvor estará sempre na minha boca.
A minha alma gloria-se no Senhor:
escutem e alegrem-se os humildes.

A face do Senhor volta-se contra os que fazem o mal,

para apagar da terra a sua memória.
Os justos clamaram e o Senhor os ouviu,
livrou-os de todas as angústias.


O Senhor está perto dos que têm o coração atribulado
e salva os de ânimo abatido.
O Senhor defende a vida dos seus servos,
não serão castigados os que n’Ele confiam.


Desejo a todos um bom fim de semana no Amor e Paz de Cristo. Ailime

Imagens Google


20 outubro 2013

A minha partilha deste domingo

A liturgia deste Domingo convida-nos a sermos persistentes na oração e mergulhar nas Sagradas Escrituras para nos inteirarmos verdadeiramente da Palavra de Deus, como podemos ler na Segunda Epístola de São Paulo a Timóteo 3,14-2.


«Caríssimo:
Permanece firme no que aprendeste
e aceitaste como certo,
sabendo de quem o aprendeste.
Desde a infância conheces as Sagradas Escrituras;
elas podem dar-te a sabedoria que leva à salvação,
pela fé em Cristo Jesus.
Toda a Escritura, inspirada por Deus,
é útil para ensinar, persuadir, corrigir
e formar segundo a justiça.
Assim o homem de Deus será perfeito,
bem preparado para todas as boas obras.
Conjuro-te diante de Deus e de Jesus Cristo,
que há-de julgar os vivos e os mortos,
pela sua manifestação e pelo seu reino:
Proclama a palavra,
insiste a propósito e fora de propósito,
argumenta, ameaça e exorta,
com toda a paciência e doutrina.»


Muitas vezes nos perguntamos como devemos rezar. São Paulo nesta Carta a Timóteo pede firmeza na fé, solicita que essa fé se alicerce no conhecimento das escrituras, isto é, no recurso à palavra de Deus, como fonte privilegiada de oração. De facto «a Deus falamos quando rezamos, mas a Deus escutamos quando lemos a Sua Palavra». (Dei verbum, nº 25 – Texto do Concílio Vaticano II)



Oração 
Jesus, Mestre:
que eu pense com a tua inteligência,
com a tua sabedoria.
Que eu ame com o teu coração.
Que eu veja com os teus olhos.
Que eu fale com a tua língua.
Que eu ouça com os teus ouvidos.
Que as minhas mãos sejam as tuas.
Que os meus pés estejam sobre as tuas pegadas.

 Tiago Alberione


Desejo a todos um bom domingo na paz do Senhor. Ailime

Textos de apoio:
Liturgia Diária - Paulus Editora e
Portal Paulinas
Imagens Google

13 outubro 2013

A Palavra de Deus

A minha partilha deste domingo:

Do: Evangelho de São Lucas – Lc 17(19)
«E disse Jesus ao homem:
Levanta-te e segue o teu caminho;
a tua fé te salvou».
 
 Salmo 97 (98)
 
Cantai ao Senhor um cântico novo
pelas maravilhas que Ele operou.
A sua mão e o seu santo braço
Lhe deram a vitória.
 
O Senhor deu a conhecer a salvação,
revelou aos olhos das nações a sua justiça.
Recordou-Se da sua bondade e fidelidade
em favor da casa de Israel.
 
Os confins da terra puderam ver
a salvação do nosso Deus.
Aclamai o Senhor, terra inteira,
exultai de alegria e cantai.


Jesus levantou ondas de ilusão
nas praias dos abatidos,
entregou aos presidiários
as chaves dos calabouços,
e com as ruínas edificou mansões.
Caminhou de aldeia em aldeia
e de porta em porta recolhendo
tristezas e desventuras,
fez com elas uma trouxa
e sepultou-a no fundo do lago.
Subiu à montanha para
proclamar aos quatro ventos
os direitos dos pobres,
e convocou a Primavera para que
cobrisse de flores os pátios dos órfãos.

Ignacio Larrañaga


Desejo a todos um bom domingo. O meu abraço na paz do Senhor. Ailime